A Polícia Civil do Estado do Maranhão, através da 14ª Delegacia Regional de Polícia Civil, após investigação efetivada desde o mês de maio de 2020, deu cumprimento na manhã deste domingo (14), ao mandado de busca e apreensão exarado pelo juízo plantonista, após representação da Polícia Judiciária, visando apreender munições e armas de fogo que eram comercializadas ilegalmente na cidade de Pedreiras - MA e região.

Assim foi desencadeada a Operação Corta Fogo que prendeu em flagrante delito o indivíduo, tendo em vista que mantinha 02 quartos na sua casa funcionando como depósito de dezenas de munições (vários calibres), pólvoras e medicamentos.

Foi apreendido no interior do imóvel um revólver calibre .38, devidamente municiado, além de aproximadamente 31.980 embalagens de pólvora, 875 munições calibre .28, 100 estojos de munição calibre .32, 330 munições calibre .16, 25 munições calibre .12, 500 munições calibre .20, 160 munições calibre . 38, 300 munições calibre .22, 50 munições calibre .32, totalizando: 1.880 munições, além de 6000 espoletas e vários remédios que deveriam ser vendidos sob prescrição médica.

O proprietário do imóvel, localizado, foi conduzido para a 14ª Delegacia Regional de Polícia Civil local onde será interrogado e autuado em flagrante delito.












Publicidade: