Um jovem natural de Trizidela do Vale - MA, de 19 anos de idade, foi morto com vários tiros no município de São Gotardo - MG, no final da noite do último domingo (12).


O atirador foi até a casa dele, chamou a vítima e disparou por diversas vezes. A vítima Kevem Klyne Felix Pereira foi atingida por pelo menos 10 disparos e morreu no local. Os policiais identificaram um suspeito, sendo um homem que havia sido atingido por golpes de faca deferidos por Kevem.

De acordo com informações da 216ª Companhia da Polícia Militar de São Gotardo, por volta das 23h15, a PM foi acionada via 190 por uma mulher, que não quis se identificar, a qual informou que após ouvir alguns barulhos parecidos com tiros, chegou na janela de sua casa e viu um homem caído no chão, no bairro Alto Bela Vista. Kevem foi atingido por vários disparos.

A guarnição foi até o local juntamente com uma ambulância e depararam com Kevem , caído ao solo, com várias marcas de disparo de arma de fogo na região do tórax, pescoço, braços e já sem vida. Uma testemunha que mora na casa vizinha, aos fundos, disse que ouviu quando alguém chegou no corredor que dá acesso à casa da vítima e chamou por ela.

A testemunha contou que ouviu quando alguém disse: "opa" e logo em seguida ouviu cerca de quatro disparos. Após uma breve pausa, iniciou-se outra série de disparos e, logo após, ouviu passos de alguém correndo. Foi apurado que Kevem estava residindo em São Gotardo há cerca de três meses e no dia 25/04/2022, foi preso por porte ilegal de arma de fogo na companhia de outro indivíduo.

Nessa mesma ocorrência, durante a fuga de ambos, o indivíduo chocou seu veículo contra um poste e também foi preso. Há registro ainda de ocorrência no dia 30/04/22, onde Kevem teria desferido dois golpes de faca contra outro indivíduo, sendo este suspeito de autoria do homicídio.

O perito da polícia civil compareceu e realizou seus trabalhos. Foram recolhidas na cena do crime 13 cápsulas de calibre .380 mm e alguns pedaços de projétil. Preliminarmente foram constatadas dez perfurações no corpo de Kevem, na região do pescoço, tórax e braços. O atirador não foi localizado. Quando adolescente, Kevem Klyne foi apreendido pela polícia diversas vezes por praticar diversos crimes de assalto em Pedreiras e Trizidela do Vale.

Publicidade: