A Polícia Civil do Estado do Maranhão, abriu um inquérito de suma importância para investigar o caso que envolveu a vereadora identificada como Lionete Silva Araújo Coelho (PTC).

O objetivo é investigar a atitude do seu ex-marido que jogou água quente nela durante um desentendimento. Lionete é conhecida popularmente na região como “Dudu Coelho”, a vítima tem 32 anos de idade, e teve parte do seu corpo queimado pelo o ex-marido identificado como André Coelho, que também foi vereador dessa mesma cidade. O episódio aconteceu na cidade de Peritoró - MA.

Segundo as informações repassadas ao Delegado da PC Francisco Fontenele, o Boletim de Ocorrência (B.O), foi registrado pela a vítima na última sexta-feira dia 14 de Agosto. Segundo Fontenele, foram solicitadas medidas protetivas de urgência em favor da vítima, pois a mesma já teria sido até ameaçada de morte pelo o seu ex-companheiro.

Ainda segundo o delegado, o suspeito só não foi preso por esse ato reprovável no mesmo instante, porque o prazo de flagrante já tinha sido transcorrido na hora do (B.O).  

Agora vai depender somente das investigações e informações que serão colhidas no inquérito pelo os competentes agentes da Polícia Civil, para saber se o ex-vereador vai ser indiciado pelos os crimes de lesão corporal ou uma tentativa de homicídio contra sua ex-esposa.  

Em um áudio que circula pela localidade nos grupos de WhatsApp, o suspeito conta que descobriu um caso extraconjugal por parte da integrante do poder legislativo. E que segundo Coelho, ela mantinha há mais de um ano em oculto, com um homem que não teve sua identidade revelada da cidade de Capinzal do Norte.

No áudio, André confessou ter jogado água quente nela durante a discussão, o mesmo se arrependeu do ato, afirmando que não deveria ter feito essa barbaridade, e que era apenas para ele ter largado a mulher e ter ido embora para reconstruir sua vida ao lado de uma outra pessoa.

Fonte: Blog do João Vitor Santos 
WhatsApp: (99) 9.8261-0035