Por ser hoje uma segunda-feira (4), em tempos de pandemia, não é motivo para encarar o dia como se fosse um domingo - ou uma sexta.

A psicóloga Ingrid Rodrigues alerta que viver todos os dias como se fossem iguais pode aumentar o desconforto, diminuir o humor e deixar as pessoas mais ansiosas.

No 14º vídeo produzido pelo Tribunal de Justiça do Maranhão, para dar apoio psicológico a pessoas em isolamento social, a psicóloga conta o que dever ser feito, quando as coisas parecem ficar monótonas, desestimulantes e, até a segunda-feira, motivo de queixas para muitos, anteriormente, parece outro dia qualquer.

SEM PIJAMA – Ingrid Rodrigues relata que um hábito errado, que deve ser evitado por quem trabalha em casa, é ficar de pijama o dia inteiro. Assim como não é recomendado, segundo ela, passar o tempo todo na cama.

O vídeo explica como é importante separar o que é do final da semana do que é do restante da semana, manter uma rotina e organizar as tarefas do dia, como se fazia habitualmente, antes do distanciamento provocado pela doença Covid-19.

A série de vídeos sobre saúde mental é promovida pela Coordenadoria de Serviço Médico, Odontológico e Psicossocial da Diretoria de Recursos Humanos do TJMA, para apoiar, orientar e prevenir servidores, magistrados e o público em geral.



Publicidade: