Nesta semana, a Secretaria Municipal de Saúde de Trizidela do Vale confirmou um caso de Covid-19 (coronavírus) em uma mulher de 41 anos, moradora do Bairro Aeroporto.

Após essa informação, os profissionais de saúde começaram a buscar informações e investigações sobre as pessoas que tiveram um contato mais direto com a mulher nos últimos dias.

Duas dessas pessoas nas quais tiveram um contato mais próximo (namorado) e uma filha dele, fizeram um teste rápido financiado pelo município, sendo que o resultado do exame saiu neste sábado (18) pela manhã e deu como resultado "IGM não reagente" 
o que significa dizer que eles tiveram a doença a mais ou menos 14 dias atrás, criaram anticorpos e estão livres da doença (curados).

De acordo com Amanda Giordana Chaves Silva Carvalho, coordenadora da Vigilância Epidemiológica em Trizidela do Vale, essas duas pessoas desenvolveram a doença de forma assintomática (sem sintomas) e que essa notícia foi motivo de muita alegria para todos.

Amanda Giordana informou ainda que existem mais outras duas pessoas que tinham um contato mais direto com a mulher diagnosticada com coronavírus, que ainda necessitam da realização dos exames que não foram feitos ainda por falta de exames na cidade, mesmo em laboratórios particulares.

De acordo com a coordenadora de Vigilância Epidemiológica, as pesquisas científicas não mostram se quem já teve Covid-19 pode voltar a ter ou ficar imune, mas pelo menos nestes dois casos as pessoas foram devidamente curadas e não são no momento agentes transmissores da doença.


VÍDEO - Explicações daCoordenadora da vigilância epidemiológica de Trizidela do Vale - MA:

Fonte: Blog do Coutinho Neto


Leia também:
Homem natural de Lago da Pedra morreu no Rio de Janeiro em decorrência de infecção por Covid-19


Publicidade: