O recadastramento biométrico da Justiça Eleitoral tem por objetivo implantar em âmbito nacional a identificação e verificação biométrica da impressão digital para garantir que o eleitor seja único no cadastro eleitoral e que, ao se apresentar para o exercício do voto, seja o mesmo que se habilitou no alistamento eleitoral.

Em Pedreiras, o recadastramento teve duração de quatro meses, iniciando no dia 11 de junho encerrando nesta sexta-feira (11), o posto de atendimento foi montado no auditório do colégio Oscar Galvão, no bairro Goiabal.

Na manhã desta quinta-feira, o chefe de cartório da 9ª Zona Eleitoral, João Henrique concedeu entrevista para a equipe de reportagem da TV Rio Flores, falando como foi a implantação do recadastramento biométrico em Pedreiras.

Vídeo:

Publicidade:
Avenida Rio Branco - Pedreiras - MA