terça-feira, 5 de fevereiro de 2019

Proprietária de pitbull que atacou cavalo no bairro Maria Rita, emite nota em defesa do seu animal de estimação

A cabeleireira Cléo Pereira é a proprietária do cachorro da raça pit bull que atacou um cavalo na rua Dr. Pedro Barroso, bairro Maria Rita em Pedreiras.
Divulgue sua marca aqui
Ao ficar sabendo que o blog do Ricardo Farias tinha postado uma matéria mostrando através de vídeo o momento exato que o pitbull ataca o cavalo; a cabeleireira saiu em defesa do seu dog. Ela relatou que o animal é é dócil e não oferece nenhum risco aos moradores, a mulher diz também que é grande o número de animais soltos no local, e que o cachorro só atacou cavalo depois que foi atingido por um coice do animal. Cléo falou que está disposta a reparar qualquer prejuízo que o pitbull tenha causa ao cavalo.


O pitbull é chamado carinhosamente de Daymon Salvatore.

Veja na íntegra a nota emitida pela cabeleira:

"Sou moradora desta rua e dona do cachorro, posso  afirmar  que meu cachorro não ataca crianças!
Este fato aconteceu por descuido. pois ao abrir  o portão ele saiu entre minha pernas e sim ele atacou o cavalo, mais ele  acertou o cachorro com as patas e fujiu no momento!
Meu cachorro não ataca crianças, pois ele convive  com Crianças e pessoas, só quê  com outros tipos  de animais, não!
Infelizmente isso aconteceu, mas posso afirmar com certeza que cuido muito bem de meu cachorro e ele é mantido  preso dentro do lote, mas não posso  mantê-lo 24h na corrente, e quem tem seus animais Soltos  na rua também  tem que ter mais cuidado. pois  aqui é um bairro não cural".

-Cléo Pereira.

Para provar que o seu pitbull é dócil Cléo enviou um vídeo para a redação do blog, onde o cachorro brinca tranquilamente com a filha da cabeleira.

Fotos e vídeos públicados com autorização de Cléo Pereira, mãe da criança. 

17 comentários:

  1. 1. O descuido é justamente o problema.
    2. Fiquei aliviado que ele soltou o cavalo depois do coice. Já sei como proceder se ele me atacar.
    3. Também fiquei aliviado que ele é dócil com as pessoas de casa, embora não tenha certeza se com estranhos é a mesma coisa.
    4. As pessoas que deixam cavalos na rua estão erradas mesmo, mas muito mais estão as que deixam cachorros, principalmente os de raça agressiva, como pittbuls.
    5. Ainda bem que ele não pode ficar 24 horas na corrente, porque nossos filhos terão que ficar, já que ninguém confia mais soltá-los na nas ruas ao redor como medo do seu bichinho dócil.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Se quiser nos visitar, sinta-se a vontade. Leva seu filho (a) se tiver, para conhecer o Damon, lhe garanto que ele irá amar. Pois gosta muito de crianças. Haaa nao se preocupe tem pessoas que não são os donos dele pra poder lhe dizer se ele é perigoso ou não.

      Excluir
  2. Ela fala que o cão saiu por um descuido, é justamente em um descuido que acontece as trajedias, eu moro no bairro é tenho um filho que brinca na rua, agora enquanto essa fera estiver na região, não tenho mas coragem de deixar meu filho brincar na rua

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
    2. Nao o culpo pelo medo. Mas não faça como a mídia e as pessoas sem informações. Pesquise e depois fale algo. Haaa , não tranque sua criança em casa so por medo do cachorro, tranque por medo dos outros animais soltos também. Conheço PESSOAS que foram machucadas por esses animais.( Que pelo jeito, pra voce nao tem culpa).... E olha só, meu cachorro nunca machucou alguém.

      Excluir
  3. Kkkk, tem medo de cachorro morder mas não tem medo do seu filho levar um coice dos cavalos. Garanto pra ti que mata do mesmo jeito !;)

    Obs: sou criador de Pitbull também e se não fosse a ignorância do ser humano em não buscar informações essa tolice toda não estaria armada. Antes de falar dá raça, pesquise um pouco.

    ResponderExcluir
  4. Pois não é... Isso so está tomando essa proporção, por conta de pessoas ignorantes sem informações. E o mais engraçado e que existe pessoas que já foram atacadas por esses animais a solta. Mas a culpa é apenas do Pitbull, que nunca vançou em ninguém.

    ResponderExcluir
  5. A cabeleireira coloque seu bichinho dócil solto na porta de seu estabelecimento e depois venha contar como foi o faturamento.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Haa tem clientes dela que conhece ele. Kkkkkkkk o Salao já foi na garagem da minha casa. E olha kkkkkkkk tinha muitos clientes, assim como ate hoje tem.

      Excluir
  6. Pior eh isso. A mulher não só não se descupa como ainda insiste que não tem nada demais.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Se desculpar com quem? Estamos esperando o dono, a qual talvez ainda mereça desculpas. Agora pedir desculpas a essas pessoas sem informações, que estão causando esse tumulto todo. Nao, ela nao vai pedir desculpas. Por a caso você viu alguem sendo machucado? Nem o cavalo se machucou.

      Excluir
  7. Eu não sou da família, não convivo e eu também já julguei o animal pelo simples fato de ser "Pitbull" e eu me enganei profundamente ao fazer isso pois quando fui visitar a primeira vez essa família depois que o animal esteve na casa nem eu com medo ele me atacou. Depois que fui outras vezes, até brincar eu brinquei. Ele é docil sim! Docil até demais ! Ahhhhhhh e outra coisa eu também sou moradora do bairro Maria Rita que pode ser considerado um curral ao invés de bairro. De tudo lá tem porco, vaca, boi e tudo mais. Quantas e quantas vezes eu abri o portão de minha casa e tinha vários bichos espalhados na porta e minha cachorra que é uma pinscher (e nao venham dizer que uauuuuu é super valente) ela também passou despercebida e avançou nesses animais e o meu medo não foi dela matar eles e sim de eles matarem ela. Querem falar de quem é errado ou certo, pelo amor de Deus. Se enxerguem !!!! O bairro é todo desestruturado, e os donos desses bichos deveriam entender que ali é um bairro e não um pasto para soltar os bichos assim.
    Sou uma moradora e conheço o animal sim, não é a raça que define quem ele é e sim a criação. Vamos parar de querer tapar o sol com a peneira né? Parar de falar tantas mentiras e ir atrás das verdades

    ResponderExcluir
  8. Tem muita gente sem noção que não sabe o que fala. Sou desconhecida pro Damon, visito os de ano em ano praticamente... Mas, o mesmo nunca me atacou, Nem latiu sequer comigo, até o acariciei... muito dócil.

    ResponderExcluir
  9. A única pessoa nesse post que tá falando mal ainda é anónimo... algo de errado não está certo ��. Rsrs
    Podia se identificar ��

    ResponderExcluir
  10. Quero parabenizar o Ricardo Farias, primeiramente pelo blog e segundo por esse artigo que sem dúvida é de grande valia, para que tenhamos atenção voltada para os cuidados com animais em nosso bairro. Não somos obrigados a conviver com cavalos, bodes, porcos, cachorros e gado bagunçando os sacos de lixo colocados nas portas para a coleta, além de deixar aquelas fedentinas das fezes. Quanto ao pitbull, ele realmente mete medo, mas acredito que ele não anda solta na rua, se for o caso o dono deve mante-lo preso em casa, pois como eu disse ele mete medo. Agora sendo um pouco sarcático, O CÃO FEZ O TRABALHO DE CORREIÇÃO QUE SERIA DO RAMBO... Outra coisa, cavalo não ataca um cachorro atoa, ele se defend...

    ResponderExcluir
  11. Sim, e o cavalo agiu certo. Em nenhum momento reclamamos sobre o que o cavalo fez com o cachorro e olha que ele ficou machucado. Mas sabemos que foi em alto defesa. Nossa reclamacao é a mesma da sua ( animais soltos)

    ResponderExcluir
  12. Quero só avisar que agora é crime deixar cachorros de grande porte na rua e se eu ver eu denuncio para a polícia , animais como pitbull tem o temperamento muito agressivo quando se sente em perigo ou quando fica atordoado com por exemplo a rua com motos e carros passando e buzinando e etc... o caso é que não se pode arriscar achando que conhecemos os animais pois na minha família já aconteceu um acidente envolvendo minha avó e o cachorro dela, isso mesmo ! O cachorro dela , ele ficou atordoado quando ela o soltou na rua e atacou ela no rosto e arrancou a pálpebra do olho dela,a sorte é que chegamos a tempo para socorrer e tirar ele de cima senão poderia ser bem pior.

    ResponderExcluir