Na noite da última sexta-feira (12), dia dos namorados, Lago da Pedra, cidade de pouco menos de 50 mil habitantes, registrou o décimo primeiro assassinato, somente este ano, entre eles um caso de feminicido.

A vítima foi identificada como Itamar da Silva Gomes, 27 anos de idade, casado e pai de duas crianças.

Segundo informações, por volta das 23h20min, Itamar se encontrava em um estabelecimento residencial que funciona como bar, e bebia juntamente com um primo, quando foi surpreendido por duas pessoas, uma com máscara e outra de capacete.

No momento, sem reação ao se levantar da mesa o homem foi alvejado por disparos de arma de fogo, que no total foram mais de 10 (dez) tiros, sendo que no total (8) oito atingiram Itamar três na região do torax. A vítima foi imediatamente levada para o Hospital Serra de Castro, onde recebeu os primeiros socorros, mas por causa da quantidade de tiros, foi transferido para Bacabal a 60km de Lago da Pedra.

Em Bacabal fez a cirurgia de urgência, e hoje dia 13, ao ser encaminhado para Coroatá, a família recebeu a triste notícia do seu falecimento por volta da 11h30min.

O senhor Nonato Gomes, pai da vítima, esclareceu que não sabe o motivo do crime, mas afirma que Itamar já foi Mototaxista e deixou a profissão porque já tinha acontecido um atentado contra ele.

E que agora levava a vida fazendo negociações de vendas e compras de motocicletas e carros.

A dona do estabelecimento, que não quis se identificar, falou para Itamar e seu primo irem embora, porém insistiram em ficar. Ela lamentou o acontecido.

A Polícia Militar e Guarda Municipal estiveram no local colhendo as primeiras informações. A Polícia Civil investiga o caso.



Publicidade: