Um menino de 13 anos morreu e outro de 10 anos ficou ferido durante um tiroteio registrado na noite da última sexta-feira (23) no bairro Vila Mearim no município de Bacabal - MA. De acordo com a Polícia Militar, dois homens foram presos por suspeita de participar da ação.

Segundo a PM, o tiroteio foi causado por uma disputa de gangues rivais do município. Testemunhas relataram aos policiais que a casa foi cercada por um grupo armado com dez pessoas. No local estavam uma mulher que não foi identificada e seus três filhos, todos menores de idade. As duas crianças atingidas estavam na porta da residência e foram surpreendidas pelos disparos.

Continua depois da publicidade:
Rua da Independência - Pedreiras - MA 
Cauã Vieira, de 13 anos, foi baleado ao tentar fechar a porta da casa no momento da invasão. Ele foi atingido com três tiros nas costas e morreu na hora. A outra criança foi baleada na perna esquerda e na costela e conseguiu se salvar ao se esconder debaixo de uma cama. O menino foi socorrido e levado para o Hospital Regional Dr. Laura Vasconcelos em Bacabal, onde passou por cirurgia e continua internado.

Durante a prisão dos dois suspeitos, Pedro Henrique da Silva, de 20 anos, trocou tiros com os policiais e foi baleado em uma das pernas. Pedro Henrique e outro suspeito, que é menor de idade, foram encaminhados à Delegacia de Balsas.

O suposto alvo dos criminosos, um menor de idade que atende pela alcunha de "Pato Roco" concedeu entrevista ao repórter Romarinho da TV Difusora Bacabal, filiada ao SBT, canal 09,
-"Queriam me matar, foram lá e não me acharão porque não foram embora? Porque fizeram isso? meu irmão não tinha nada a ver com isso"... Disse "Pato Roco" durante a entrevista.

Confira entrevista completa no vídeo abaixo:


 Entrevista com um dos suspeitos:


Um dos suspeitos é baleado em troca de tiros com a Polícia Militar de Bacabal:



Publicidade:
Rua Miguel Atta - Pedreiras - MA