Mais de 270 atendimentos e 60 casos de glaucoma diagnosticados, além de entrega de colírios e encaminhamento para cirurgias, este é o resultado da primeira edição de 2019 Mutirão do Glaucoma em Pedreiras, que foi realizado no último sábado (09.02), no Centro de Ensino Oscar Galvão.
É um número acima dos últimos atendimentos, e todos os pacientes receberam seus devidos encaminhamentos e serão acompanhados no seu tratamento. A iniciativa é do Governo do Maranhão em parceria com a Prefeitura de Pedreiras, acontece duas vezes ao ano e conta com o apoio dos profissionais de saúde do município.

O glaucoma é uma doença ocular caracterizada por alteração do nervo óptico que leva a um dano irreversível das fibras nervosas e, consequentemente, perda de campo visual. Essa lesão pode ser causada por um aumento da pressão ocular ou uma alteração do fluxo sanguíneo na cabeça do nervo óptico.
O glaucoma é considerado como a principal causa de cegueira irreversível no mundo, e isso ocorre por ser um quadro que não apresenta sintomas em grande parte dos casos. A doença pode estar presente e a pessoa não percebe causando uma piora do quadro e progressivamente uma lesão irreversível do nervo que, por sua vez, afeta o campo de visão.
Continua após a publicidade: 
Publicidade: MM Gesso 3D
Segundo alerta da Organização Mundial 
da Saúde (OMS), são registrados 2,4 milhões de novos casos de glaucoma anualmente, o que totaliza 60 milhões de pessoas no mundo. No Brasil, de acordo com a Sociedade Brasileira de Glaucoma, a doença atinge 2% dos brasileiros acima dos 40 anos, resultando em cerca de um milhão de pessoas.
Abaixo reportagem TV Rio Flores: